Notícias

25 de setembro, 2014

O mês de Dhul Hijjah.


Dhul Hijjah é o 12º e último mês do Calendário Islâmico Lunar. É um dos quatro meses sagrados, depois de MuharramRajab e Dhul-Qa’dah. O significado do mês de Dhul Hijjah é expressivo no Sagrado Alcorão e nos ditos do Sagrado Profeta (s.a) e os Seus Ahlul Bayt (a.s).

Allah, o Majestoso e Honorável, afirma no Sagrado Alcorão:

“E pelo juramento das dez noites”

[Surah Al-Fajr 89:2]

A intérpretação do Sagrado Alcorão explica que a expressão “e dez noites [wa layaalin ‘ashr]” refere-se às 10 noites especiais no início do mês de Dhul Hijjah.

O Profeta Mohamad (s.a) disse que:

“De todos os dias, não existe nenhum em que Allah, o Majestoso e Honorável, mais adora ter o serviço de adoração a ser efetuado em Seu nome do que durante os Dez Dias de Dhul Hijjah. Dedicar um desses dias ao jejum é equivalente a jejuar durante todo o ano, e efetuar orações noturnas num desses dias é como se tivéssemos efetuado orações noturnas durante um ano inteiro”.

Atos preferíveis nos dez primeiros dias deste abençoado mês:

Primeiro: Jejuar os primeiros nove dias equivale ao jejum de toda a vida.

Segundo: Realizar dois ciclos de oração entre as orações de Magrib e Ishaa, durante as dez noites. Em cada ciclo logo da Sura Al-Hamd (nº 1) dizer uma vez a Sura Al-Ikhlas (nº 112) e o seguinte versículo:

وَواعَدْنا مُوسى ثَلاثينَ لَيْلَةً وَاَتْمَمْناها بِعَشْر فَتَمَّ ميقاتُ رَبِّهِ اَرْبَعينَ لَيْلَةً وَقالَ مُوسى لاَِخيهِ هارُونَ اخْلُفنى فى قَوْمى وَاَصْلِحْ وَلا تَتَّبِعْ سَبيلَ الْمُفْسِدينَ

{Wa wa’adna Mussa thalathina lailah wa atmamnaha bi’ashrin fatamma miqatu Rabbihi arba’ina lailah ua qala Mussa li ajihi Haruna-j lufni fi qaumi wa aslih wa la tattabi’ sabilal mufsidin}

«Lhe recordamos a Moisés trinta noites que completamos com outras dez, de maneira que o tempo fixado por seu Senhor foi, no total, de quarenta noites. E Moisés disse a seu irmão Aarão: “Reimplementa diante meu povo; recomenda-os o bem e não sigas o sendeiro dos depravados”». (Alcorão, 7:142).

Quem realizar isso participará na recompensa dos peregrinos.

Terceiro: Nos primeiros dez dias, também é preferível realizar cada dia a seguinte súplica, que foi pronunciada pelo Imam ‘Ali (P), e o melhor é repeti-la cada um dos dias dez vezes. Disse:

لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ الّلَيالى وَالدُّهُورِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ اَمْواجِ الْبُحُورِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ و رَحْمَتُهُ خَيْرٌ مِما يَجْمَعُونَ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ الشَّوْكِ الشَّجَرِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ الشَّعْرِ وَالْوَبَرِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ الْحَجَرِ وَالْمَدَرِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ لَمْحِ الْعُيُونِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ فِى الّلَيْلِ اِذا عَسْعَسَ وَالصُّبْحِ اِذا تَنَفَّسَ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ عَدَدَ الرِّياحِ فِى الْبَرارى وَالصُّخُورِ، لا اِلـهَ اِلاَّ اللهُ مِنَ الْيَوْمِ اِلى يَوْمِ يُنْفَخُ فِى الصُّورِ

La ilaha il·lal·lahu ‘adadal laiali uad duhuri, la ilaha il·lal·lahu ‘adada amuay-il buhur la ilaha il·lal·lahu ua rahmatuhu jairun mimma iayma‘un la ilaha il·lal·lah ‘adada-sh shauqi-sh shayar la ilaha il·lal·lahu ‘adada-sh sha’ri ual uabar la ilaha il·lal lahu ‘adadal hayari ual madar la ilaha il·lal la:hu ‘adada lamhil ‘uiun la ilaha il·lal lahu fil-laili idha ‘as’asa ua-ssubhi idha tanaffasa la ilaha il·lal·lahu ‘adadar riiahi fil barari uassujur la ilaha il·lal lahu minal iaumi ila iaumi iunfaju fissur

{Não ha divindade senão Allah, pelo número das noites e os dias. Não ha divindade senão Allah, pelo número das ondas do mar. Não ha divindade senão Allah y Sua misericórdia es melhor do que atesouram (os mundanos) . Não ha divindade senão Allah, pelo número das plantas e árvores. Não ha divindade senão Allah, pelo número de cabelos y pelos. Não ha divindade senão Allah, pelo número de pedras y argilaa. Não ha divindade senão Allah, pelo número de pálpebras dos olhos (dos seres). Não ha divindade senão Allah, na noite quando escurece e a aurora quando amanhece. Não ha divindade senão Allah, pelo número de ventos que sopram entre o deserto e as rochas. Não ha divindade senão Allah, desde hoje até o dia em que a trompeta seja soprada}.

Imam Ali (a.s.) reportou que o Profeta Mohamad (s.a) disse:

“Quando os Dez [Dias e Noites] de Dhul-Hijjah se aproximarem, vós devereis dedicar o v/tempo a uma obediência/adoração constante; para eles são os dias em que Allah, o Majestoso e Honorável, outorgou o seu favor especial, e Ele tornou a santidade das suas noites equivalente à santidade dos seus dias. Então, se um crente, numa das Dez  noites sagradas, rezar sob a forma de 4 ciclos de orações (4 raka’at) no último terço (da noite), e incluir os Surah’s seguintes em cada ciclo:

  • Surah Al-Fatiha [1:1-7] uma vez;
  • Ayat Al-Kursi [2:255] 3 vezes
  • Surah Al-Ikhlaas [112:1-4] 3 vezes
  • Surah Al-Falaq [113:1-5] e Surah An-Naas [114:1-6] uma vez cada;
Fonte: As Chaves do Paraíso.

 

Não há comentários aprovados neste post!

Curta e Compartilhe


Horário das orações:


Foz do Iguaçu

Busca

Arquivos

Tag

Geral - notícias