SBI

05 de julho, 2016

Muçulmanos encerram jejum e celebram renascimento na quarta


Durante 30 dias muçulmanos de todo o mundo evitaram água e alimentos do nascer ao pôr do sol. Um dos princípios do Ramadã

13530301_1046934372065388_2054338007_n
Sociedade Beneficente Islâmica de Foz

Hoje dia cinco de julho ás 18h20 muçulmanos da fronteira encerram o período do Ramadã, completando 30 dias onde jejuar e solidarizar-se fez parte do ritual em tudo o mundo. Amanhã, dia seis de julho, ás 8 horas a Sociedade Beneficente Islâmica fará a festa do renascimento. Se buscado semelhança nos eventos religiosos, pode ser comparado a Páscoa Cristã.
Quarta-feira começa com orações e ás 9h será servido o café da manhã, com alimentos típicos da comemoração como o pão com creme de queijo e essência de rosas. Haverá distribuição de presentes para as crianças. Também está sendo instalado um parque com brinquedos para elas. Entre as famílias o dia é de confraternização com almoço especial.
Este ano o decreto para o início do jejum aconteceu no Polo Astronômico de Foz, onde guias religiosos do Brasil e Paraguai presenciaram o nascer da lua avistada naturalmente e também unindo a ciência como é concebido já em vários países, por meio de telescópio. “Temos duas escolas. As duas são validas tanto para quem busca por meio da visão sem recursos como para quem busca por meio da ciência, isto é: telescópios”, disse o Guia Religioso da SBI, xeque Mohamed Khalil.

Não há comentários aprovados neste post!

Curta e Compartilhe


Horário das orações:


Foz do Iguaçu

Busca

Arquivos

Tag