SBI

10 de novembro, 2016

Obama e Trump iniciam processo de transição nesta quinta


WASHINGTON — Depois de uma longa disputa nos EUA com trocas de acusações, o presidente Barack Obama se reunirá na manhã de quinta-feira com o sucessor no cargo, Donald Trump, no Salão Oval da Casa Branca. Eles discutirão práticas para assegurar uma transição de poder tranquila , anunciou a Casa Branca. Em seu primeiro pronunciamento oficial sobre a eleição do republicano, ele prometeu garantir uma transição de poder pacífica ao seu futuro sucessor, com quem não negou ter diferenças significativas. No entanto, elogiou a postura conciliatória do rival no discurso de vitória.
O primeiro encontro entre os dois acontece às 11h (14h, horário de Brasília), anunciou a Casa Branca. Os dois farão comentários breves ao final da reunião privada. Segundo a CNN, a equipe do republicano já está trabalhando para estipular o futuro Gabinete.
— Não é segredo que o presidente eleito e eu temos diferenças significativas. Mas eu instruí minha equipe a garantir que esta seja uma transição de poder bem sucedida e pacífica. Devemos nos esforçar para unir e guiar o país. Esta é uma das marcas da nossa democracia e, nos próximos meses, vamos mostrar isso ao mundo — disse Obama na quarta-feira. — Estamos todos torcendo pelo sucesso de Trump.
Além disso, ele elogiou Hillary Clinton e disse que falou com a sua aliada assim que o resultado da derrota foi confirmado. Ele elogiou sua longa carreira política, sobretudo como secretária de Estado em seu governo, e disse que não poderia estar mais orgulhoso da democrata.
— Tenho orgulho de Hillary. Ela não poderia ter sido uma secretária de Estado melhor do que foi.
Em seguida, Obama contou sobre a sua conversa pelo telefone desta manhã com o seu futuro sucessor. Na ligação, ele convidou o republicano para uma reunião na quinta-feira na Casa Branca. Ele disse que os dois conversaram sobre a necessidade de unir o país — depois de as urnas terem mostrado que os EUA são, hoje, uma nação expressivamente dividida.
Publicidade
— O país precisa de unidade, inclusão, respeito pelas instituições, Estado de direito e respeito uns pelos outros. Espero que ele mantenha este espírito nesta transição e que seja assim que a sua Presidência possa começar — afirmou. — Antes de tudo, somos americanos. Antes de tudo, somos patriotas. Todos queremos o melhor para este país. É o que ouvi do discurso de Trump. É o que ouvi quando falei pessoalmente com ele. Eu me senti animado com isso.

Não há comentários aprovados neste post!

Curta e Compartilhe


Horário das orações:


Foz do Iguaçu

Busca

Arquivos

Tag