Notícias

06 de junho, 2013

Palestra para os pais sob o tema “nossa obrigação com as crianças” com Dr. Sultan Nasser Din


“Quando nós nos prostramos em oração, até a pedra precisa de nosso afeto, como então a criança?”. Iniciando com uma poesia que fala sobre o afeto (amor, carinho, atenção) que todas as coisas necessitam, e metaforicamente as crianças (filhos, alunos, etc) deveriam ter atenção em especial neste tema, Dr. Sultan Nasser Din realiza a palestra para os pais e professores na SBI em Foz do Iguaçu. Segundo Dr. Sultan, as crianças precisam de nosso afeto e nós igualmente precisamos do afeto delas e isso faz com que exista uma completude nesta relação, explicando que a falta de tempo não seria justificativa para os pais, pois os 10 minutos quando chega do trabalho, 15 minutos antes de dormis, 5 minutos de manhã, a criança mutias vezes fica contente e tranquila.

Professor Dr. Sultan dividiu os cuidados com os filhos em 4 pontos, um quantitativo e limitado, 3 qualitativo e ilimitado enquanto ao desenvolvimento. O ponto quantitativo é o corpo, o que envolve a saúde, alimentação, exercícios, cuidados, para crescer e depois de estagnado no tamanho máximo do corpo, manter. Os três pontos qualitativos são: psicológico, afetivo e do conhecimento, explicando detalhadamente sobre cada um, seu significado, importância e método em atingi-los com sucesso. Sobre os métodos o professor ressaltou o diálogo com os filhos e a não omissão na hora de responder as perguntas, pois as questões das crianças são as mais inteligentes, inclusive fonte de filosofia e indagamentos científicos se cuidadosamente analisarmos. Ressalta ainda que um importante critério a ser observado nesse diálogo é a sinceridade com a criança, nunca se utilizando de mentiras nem das mais pequenas.

Fecha sua palestra com uma poesia e uma música na voz de uma criança que fala sobre o afeto entre pais e filhos.

Sejamos todos bons pais, afetuosos com nossos filhos e que a Paz esteja com todos!
São votos da Sociedade Beneficente Islâmica de Foz do Iguaçu.









Não há comentários aprovados neste post!

Curta e Compartilhe


Horário das orações:


Foz do Iguaçu

Busca

Arquivos

Tag